Governo do Estado

Escorregamento

Imprimir

Como proceder em casos de escorregamentos?

 
Os escorregamentos são difíceis de prever, mas algumas medidas podem ser tomadas, tanto pelos moradores quanto pelos órgãos competentes, principalmente antes que o evento ocorra:
 
Antes 
 
• Evite construir em encostas muito íngremes e próximo a cursos d`água em vales muito profundos; 
• Não realize cortes em encostas sem licença da Prefeitura, pois você poderá contribuir ainda mais para intensificar o efeito da declividade; 
• Entrar em contato com órgãos municipais, estaduais e federais, buscando informações sobre ocorrências deste fenômeno na sua região. Os técnicos locais são as pessoas mais capazes para avaliar o perigo potencial; 
• Exija junto às prefeituras estudos sobre a região, além de planos de controle e monitoramento das áreas de risco; 
• Discuta e promova junto a sua comunidade e associações, ações preventivas para aumentar a segurança em relação aos escorregamentos; 
• Nunca desmatar as encostas dos morros, principalmente em locais onde já existam casas e outras construções;
• Não amontoe sujeira e lixo em lugares inclinados porque eles entopem a saída de água, aumentam o peso e desestabilizam os terrenos; 
• Converse com sua família acerca dos escorregamentos e tente elaborar algumas medidas preventivas; 
• Cheque a estrutura de sua casa, muros e terreno, verificando se não existem rachaduras e fissuras que possam estar comprometendo a sua casa ou propriedade. Lembre-se de chamar um técnico competente para fazer uma avaliação urgente; 
• Esteja atento aos boletins meteorológicos e as notícias de rádio e TV de sua região. Lembre-se: as chuvas intensas podem facilmente desencadear os escorregamentos.
 
Durante 
 
• Se você ouvir barulhos estranhos como árvores caindo e paredes rachando, saia de casa rapidamente, avise seus vizinhos e contate os órgãos responsáveis; 
• Nunca fique no trajeto de um escorregamento, mova-se rapidamente para um local seguro. Nesse momento, esta é sua maior proteção; 
• Caso atingido pelo fluxo de lama, tente colocar o queixo entre os joelhos e proteja sua cabeça com as duas mãos. A forma de bola (esfera) lhe ajudará a proteger melhor o seu corpo. 
 
Depois 
 
• Permaneça afastado da área onde ocorreu o escorregamento, pois outros eventos poderão ser desencadeados; 
• Verifique, à distância, se existem pessoas feridas ou parcialmente soterradas. Caso haja vítimas, guie a equipe de socorro até o local afetado; 
• Ajude seus vizinhos, principalmente aqueles que precisam de cuidados 
especiais, como crianças e idosos a se deslocarem para áreas mais seguras, até as fortes chuvas cessarem; 
• Caso os equipamentos públicos essenciais (água, energia elétrica e telefone) sejam afetados, alerte os órgãos responsáveis; 
• Cheque a estrutura de sua casa e verifique se não existem rachaduras e fissuras que possam estar comprometendo a mesma em virtude dos 
escorregamentos ocorridos. Lembre-se de chamar um técnico competente para avaliar a real situação de sua casa.