Governo do Estado

Defesa Civil do Estado do Rio de Janeiro é representada no Curso de Políticas Gerais para Prevenção de Desastres no Japão

Imprimir
Categoria: Página Inicial
Data de publicação Escrito por Assessoria de Informática

 

O Major BM Werner, Diretor do CEMADEN-RJ, encontra-se no Japão para aprimorar os conhecimentos em prevenção de desastres.

 

É a primeira vez que o Curso de Políticas Gerais para Prevenção de Desastres é oferecido pela Agência de Cooperação Internacional do Japão (JICA), com uma turma composta apenas por brasileiros e com abordagem em riscos geológicos e hidrológicos.

O curso foi oferecido sem ônus ao Estado e será realizado no período entre 02 de outubro e 05 de novembro de 2016, percorrendo algumas capitais importantes como: Kobe; Hiroshima; Nara; Tokyo e Sendai. 

Integram o curso os alunos dos seguintes órgãos:

  • Centro Estadual de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (CEMADEN-RJ);
  • Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (CEMADEN);
  • Centro Nacional de Gerenciamento de Riscos e Desastres (CENAD);
  • Secretaria de Estado da Defesa Civil de Santa Catarina; e
  • Ministério da Integração Nacional.

  

Os objetivos do curso são: proporcionar aos participantes a capacidade de elaboração de Planos para Redução de Riscos de Desastres, com base no conceito geral de prevenção e gestão dos desastres dos governos central e locais do Japão, além de fortalecer a cooperação interinstitucional de redução de riscos de desastres.

O líder da turma, Ten Cel BM SC Fabiano, escolhido pela JICA, que esteve no Japão em 2014 como integrante do Projeto de Fortalecimento da Estratégia Nacional de Gestão Integrada de Riscos em Desastres Naturais (GIDES), com a colaboração dos demais integrantes da turma, diariamente relata os principais pontos observados nas aulas.

O conhecimento absorvido será divulgado após o término do período e estará disponível na página do CEMADEN-RJ, para que sejam transmitidos aos brasileiros que pretendam se aprofundar nos assuntos ministrados. Caso haja relevância às suas instituições, os interessados podem buscar maiores informações com os alunos do curso.